O mercado de calçados no Brasil e as oportunidades de exportação

O mercado de calçados no Brasil continua em sua caminhada de recuperação, depois de atravessar uma fase bastante complicada, como a maioria dos segmentos de negócios em todo o mundo.

Um bom exemplo disso e de acordo com a Associação Brasileira das Indústrias de Calçados (Abicalçados), a participação dos fabricantes brasileiros na Expo Riva Schuh, em Riva del Garda (Itália), gerou mais de US$ 32,5 milhões em vendas, entre negócios consolidados e alinhavados, atingindo 2,5 milhões de pares de calçados.

A edição de 2023 teve uma participação recorde da indústria brasileira, onde estiveram presentes 69 marcas entre os dias 17 e 20 de junho.

Neste conteúdo, apresentaremos detalhes a respeito do mercado de calçados no Brasil e das grandes oportunidades internacionais que estão movimentando nossas indústrias!

A indústria e o mercado de calçados no Brasil

Em conjunto com a Abicalçados, a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) realiza um trabalho muito interessante para aumentar a presença da indústria calçadista brasileira no mercado internacional.

Trata-se de ações de promoção comercial, visando colocar as marcas brasileiras em feiras e rodadas de negócios internacionais.

O propósito desse esforço tem por objetivo:

  • alavancar as exportações da indústria brasileira de calçados,
  • promover oportunidades de vendas,
  • fomentar a competitividade e o desenvolvimento da indústria brasileira,
  • indicar direções estratégicas,
  • destacar nossos produtos e marcas no segmento calçadista.

Para se ter ideia do potencial brasileiro, atualmente são mais de 5 mil fábricas atuando no mercado calçadista, empregando cerca de 280 mil pessoas.

O mercado de calçados no Brasil no contexto de exportação

O mercado de calçados no Brasil em 2023, no que se refere às exportações, será diferente do que ocorreu no ano anterior, onde os negócios internacionais foram os responsáveis pelo crescimento das vendas.

As previsões para o consumo de calçado devem aumentar em 3% no país, no entanto, os resultados terão como base o mercado interno.

A baixa prevista na exportação se deve às seguintes causas:

  • desvalorização cambial,
  • retomada da China no mercado mundial,
  • ajuste de estoques nos Estados Unidos,
  • desaceleração internacional em função da inflação.

Vale destacar que apesar dessa tendência, as exportações continuam sendo atrativas para os fabricantes, especialmente nos calçados de alto valor agregado.

Para se ter ideia, no primeiro trimestre de 2023, as vendas de calçados ao exterior alcançaram US$ 328 milhões, um crescimento de 2,4% se comparado ao mesmo período do ano anterior, no entanto, quando se considera o volume de produtos, ocorreu uma redução de 5,7%.

Os principais destinos dos produtos brasileiros no primeiro semestre de 2023 foram:

  • Estados Unidos,
  • Argentina,
  • Espanha,
  • França.

As vantagens de exportar com a DC Logistics Brasil

Quando sua empresa escolhe a DC Logistics Brasil para realizar as exportações, ela está optando por uma empresa que atua no mercado desde 1994, com know-how que movimenta grande quantidade de calçados na exportação.

Possuindo uma rede de agentes distribuída em todos os continentes, torna-se possível a oferta de serviços logísticos globais de alta qualidade.

Dentre as principais características da DC está sua capacidade em flexibilizar e atender de maneira personalizada às necessidades de cada cliente, onde a tecnologia e ferramentas online possibilitam o acompanhamento de cada carga contratada.

Com escritórios distribuídos pelas principais cidades do Brasil, torna-se possível oferecer serviços com rapidez, segurança e qualidade.

Entre em contato conosco, apresente suas dúvidas, demandas e teremos satisfação em apresentar a melhor proposta logística voltada para a realidade do seu negócio!

Compartilhe nas Redes Sociais

Facebook
Twitter
LinkedIn

Notícias Mais Lidas

Categorias

Assine a nossa Newsletter

Conheça nossos e-books

Pular para o conteúdo